Exorcismo no Ritual Católico



No ritual católico do exorcismo, os padres não devem por princípio acreditar prontamente que uma pessoa se encontra sobre possessão demoníaca e apenas os bispos, podem autorizar um sacerdote a fazer exorcismos.
No ritual do exorcismo e depois de invocar a sua segurança e de todos aqueles que o assistem, o padre condena o(s) demónio(s) a não ter poderes sobre qualquer um dos presentes perante o possesso que deve encontrar-se amarrado de forma a prevenir qualquer tentativa de agressão.
Essa segurança pode ser conseguida também com alguns desenhos, usados para aprisionar e nulificar os poderes dos demônios, esses desenhos são pantáculos do Grimório conhecido como A Chave de Salomão (Clavicula Salomonis).
Segundo alguns relatos deste ritual, os "demônios" respondem com mentiras às numerosas perguntas do sacerdote sobre questões várias que incluem a identidade do "demónio" e/ou a razão da possessão. Apesar da resistência do(s) demónio(s), o padre exorta-os a irem embora do corpo do possesso um prolongado período de tempo e com imensa insistência até que, por invocação do Nome de Deus, de Cristo Jesus e todos os anjos, ao fim de algumas horas consideradas extenuantes de invocações e de oração, poderá acontecer que o possesso seja libertado do domínio demoníaco e considerado "curado". 


Outras vezes essa situação pode ser revertida e a possessão volta a atormentar o paciente que muitas vezes também procura alívio em tratamentos psiquiátricos.


Um dos atos de exorcismo mais conhecidos foi o de Anneliese Michel, uma jovem alemã que, segundo relatos da própria, foi possuída por uma legião de demônios.

A Origem dos Anjos Malignos



"DEUS na primeira luta, venceu servindo-se de São Miguel; devemos portanto. acreditar firmemente que a luta atual terminará triunfante e também como outrora, como socorro e a ajuda deste Arcanjo bendito."
(S.Pio X em 18 de setembro de 1903)

"DEUS criou todas as coisas materiais e espirituais. O diabo e os outros espíritos malignos foram criados bons por DEUS, mas tornaram-se maus por si mesmos." (IV Concilio Ecumênico de Latrão - ano de 1215 ) 

"Se alguém disser que satanás não foi criado ao princípio como anjo bom por DEUS e que ele não é, pela sua natureza uma criatura de DEUS, mas que ao contrário, saiu das próprias trevas e que não tem «criador».., que seja anátema."  (Concilio de Braga - ano de 563)

"Creio em um só DEUS. PAI onipotente, criador do Céu e da Terra e de todas as coisas visíveis e invisíveis..." 


Assim proclama a Igreja a sua fé em todas as Missas dos domingos e festas de guarda. Antes de ter criado os homens, DEUS criou os Anjos, que são espíritos puros, isto é, não compostos de matéria, embora por vontade divina, possam às vezes apresentar-se aos homens sob forma corporais. O SENHOR onipotente deu aos Anjos inteligência excelsa e força admirável, muito superiores à dos homens; fê-los felizes e elevou-os à grandeza de sua natureza Angélica, fazendo-os participantes da Sua vida divina e Seus filhos. Mas não os confirmou em graça nem lhes deu a posse da visão beatificada sem primeiro os experimentar por uma vida de Fé. DEUS ocutou-se-lhes e provou-os, para terem oportunidade de Lhes manifestar a sua fidelidade e o seu amor.


Apesar desta ausência, seres livres, conhecendo a DEUS e sendo amparados pela graça divina, podiam todos triunfar da prova a que o SENHOR e PAI os sujeitaria O numero dos Anjos é incalculável, milhares e milhares de milhões. - Quantos? 

Não o sabemos, As Sagradas Escrituras falam-nos de Anjos agrupados em 9 coros, a saber: Serafins, Querubins, Tronos, Dominações, Potestades, Virtudes, Principados, Arcanjos e os simples Anjos, que por sua vez, constituem três hierarquias. A primeira hierarquia: Os Serafins, Querubins e Tronos têm por missão o serviço principal perante o Trono de DEUS; a segunda hierarquia: Dominações, Potestades e Virtudes tem por missão o serviço no espaço da Criação; e a terceira hierarquia: Principados, Arcanjos e simples Anjos têm por missão o serviço junto à humanidade na Terra.


Mais de trezentas vezes falam as Sagradas Escrituras no Antigo e Novo Testamentos acerca dos Anjos e refere a sua intervenção no Mundo, e a Igreja infalível, confirmou a sua crença nas palavras que a Bíblia nos transmite definindo no IV Concílio Ecumênico de Latrão a existência dos espíritos angélicos (Cap. I, d. 428) deste modo: 

"DEUS, desde o princípio do tempo, criou do nada duas espécies de seres: os espirituais e os corporais, isto é, os Anjos e o Mundo; e depois, criou o homem que, sendo constituído de corpo e espírito, que é comum a ambos os seres."

São Miguel

Os Anjos, embora felizes totalmente, filhos de DEUS e por Ele muito amados, não são todos iguais. Estão constituídos de modo a darem glória ao SENHOR e PAI onipotente, ao DEUS Uno e Trino, servindo-O e amando-O como Ele os determinou. Tal como nós os homens, antes de possuirmos a DEUS para sempre no Céu, na visão beatificada, temos de O servir e amar neste Mundo, na noite de fé, e só depois, como prêmio da nossa fidelidade, receberemos o dom da confirmação em graça; assim também os Anjos foram experimentados e sujeitos à prova da fé durante um tempo, para depois, como prêmio, receberem a fruição eterna de DEUS Uno e Trino na visão beatificada, confirmados em graça. Infelizmente lúcifer, do Coro dos Serafins, o mais belo dos Anjos, o que fora destinado por DEUS para comunicar a luz divina a toda a Criação, não permaneceu fiel, revoltando-se contra o SENHOR. Desvanecido com os dons de que fora revestido e cheio de orgulho e vaidade, arrastou nesta revolta uma parte dos seus companheiros, caindo alguns, de todos os nove coros.

Eis corno o profeta Isaías narra a queda de lúcifer, anjo da luz, que por revolta se transformou em satanás, anjo das trevas: 

"Como caíste dos céus, astro da manhã, filho da aurora? Exclamavas em teu coração: 'Escalarei os céus e acima das estrelas de DEUS assentarei o meu trono. Remontar-me-ei ao mais alto das nuvens. Serei semelhante ao Altíssimo...'. E eis-te precipitado no inferno, na profundidade dos abismos." (Is 16,21)


Alguns teólogos tentam explicar a queda de lúcifer a sua revolta, pelo orgulho, por ter ó SENHOR lhe revelado que um dia Ele próprio na Sua segunda (Pessoa viria à Terra e se uniria hipostaticamente à natureza- dos homens, fazendo-se um deles e como eles .Não tornaria a natureza Angélica, mas a natureza humana si inferior a Angélica, e lúcifer e os outros anjos adorariam e serviriam esta natureza humana assumida pela Divindade, dada por uma criatura excelsa, a Virgem Maria, e tudo dependente do Seu Filho JESUS, o Seu Sim,  e que estes A serviriam como sua Rainha e Senhora.
O amor de DEUS pelos homens seria tal, que Ele viria fazer-se uni deles para lhes servir de modelo, pois dizem os mesmos teólogos, entre os quais o célebre doutor bem-aventurado Scoto franciscano, que ainda que Adão e Eva não pecassem, o FILHO Unigênito de DEUS se faria Homem para lhes manifestar o Seu Amor e como causa eficiente, dos seres e da graça. Com esta revelação terminaram os laços que prendiam lúcifer a DEUS. ‘O orgulho e o ciúme desesperaram-no. "Não servirei!" - gritou. A sua inteligência e o seu poder de sedução arrastaram atrás de si muitos outros anjos que igualmente se revoltaram.


Ao darmos crédito às célebres revelações de Maria Valtorta, a grande mística italiana, falecida há poucos anos e já com o processo de beatificação na Cúria Romana, Nosso SENHOR ter-lhe-á dito: "Minha filha, lúcifer era o mais belo dos Anjos, espírito perfeito, só inferior a DEUS. No seu ser de luz nasceu um vapor de orgulho que ele não dissipou, mas pelo contrário, o condenou. Desta incubação nasceu o mal. Ele existia antes que o homem existisse. DEUS tinha precipitado fora do Paraíso o maldito que tinha dado origem ao mal, que tinha profanado o Paraíso. Mas ele ficou o eterno incubador do mal e, não podendo mais profanar o Paraíso, emporcalhou a Terra. Esta árvore simbólica (a árvore da ciência do bem e do mal, descrita na Bíblia) serve para demonstrar esta verdade." DEUS tinha dito ao homem e à mulher:

"Vós conheceis todas as leis e mistérios da criação. Mas não usurpeis o meu direito de ser o Criador do homem. Para propagar o raça humana será suficiente o Meu amor que circulará em vós e sem luxúria, unicamente pelo movimento da caridade. Meu amor suscitará os novos Adões da raça humana eu dou-vos tudo. Não me reservo senão este mistério, o da formação do homem." 


Quando do grito da revolta, lúcifer arrastou muitos dos seus companheiros, a terça parte, como diz o livro sagrado do Apocalipse por estas palavras: "Eis que apareceu no céu um grande dragão vermelho com seis cabeças, e dez chifres e sobre as cabeças sete diademas. A sua cauda varreu a terça parte das estrelas do céu e lançou-as sobre a Terra. Eis que se travou uma grande batalha no céu: Miguel e os seus Anjos pelejavam contra o dragão e este pelejava também com os seus anjos. Mas estes não prevaleceram e não houve mais, no céu, lugar para eles O grande dragão foi precipitado, a antiga serpente, o diabo ou satanás como 'tu' chamam, o sedutor do Mundo inteiro, foi precipitado na terra juntamente com os seus anjos (Ap. 12).


Lúcifer gritou: "Não servirei!" Miguel, cheio de humildade e amor, proclamou: "Amigos, quem é como DEUS?!" De um lado, consumam-se o orgulho, a vaidade e o ciúme: de outro, a humildade, o amor e à submissão. Ambos os chefes foram seguidos. DEUS cria o Inferno e nele são precipitados por Miguel - o amigo de DEUS, o Anjo fiel e confirmador dos seus irmãos na fidelidade ao Altíssimo, lúcifer e todos os anjos rebeldes. Os anjos bons e fiéis, com Miguel, são então confirmados em graça e felicidade eternas e, embora livres , do a sua liberdade que nunca poderão pecar, consumados no Amor de, de DEUS,na bem aventurança eterna, na fruição que era um Anjo do oitavo coro , é promovido por DEUS pela sua fidelidade coro, o Chefe das milícias angélicas, e torna-se primeiros, corno diz o Livro de Daniel (cap. 12). Lúcifer e os seus seguidores perpetuamente desgraçados, sem remissão ficarão o possível: só saberão odiar, praticar e sugerir o mal.
Os Anjos bons só poderão amar, praticar e sugerir o bem. DEUS, em Seus secretos desígnios, e sugerir o conservará, no entanto, aos anjos rebeldes grande inteligência, poder e vários dons da sua natureza e servir-se-á deles, para provação e santificação dos bons.


Estes se e buscarem a força do SENHOR pela oração e os Sacramentos, sairão triunfantes e o próprio diabo, com o seu mal, será o instrumento' que os ajudará a alcançar a eterna felicidade.
E bom lembrar o seguinte: se e certo que È diabo e os seus seguidores, 
o por serem anjos, são , superiores a nós em inteligência e força, é certo que não passam de simples criaturas: estão nas mãos de DEUS, precisando a todo o instante que Ele os mantenha na existência só podem fazer o que DEUS dá licença e na medida em que a dá; não os podemos vencer com as nossas forças naturais, mas podemos vencê-los com a força do SENHOR, unido a nós pela graça sobrenatural. Tão fortes para quem não está com DEUS, tão fracos para quem invoca o SENHOR! 
Não temamos, pois! 


Não esqueçamos o que diz São Tomás de Aquino,o príncipe dos teólogos: 
"Qualquer Anjo bom, na inferior na ordem da natureza, sobreleva os demônios , mesma ordem natural, porque a virtude da justiça Divina sobre a qual estão firmados os Anjos bons é superior á virtude natural dos anjos maus".


No Inferno só há ódio e desespero. Os demônios obedecem todos ao seu chefe, mas todos o odeiam e se odeiam entre si; só se unem para fazer o mal, mas são imensamente desgraçados, e o mais desgraçado e quem mais sofre é lúcifer - o pai da mentira, das revoltas e fomentador das guerras. 
Uma santa assistiu um dia a um diálogo entre satanás e DEUS. Lúcifer apareceu chorando e gritava: 
"Ama tanto os homens, , eles pecam e ofendem-Te tantas, vezes e TU perdoas-lhes sempre; e a mim, desgraçado que só Te ofendi uma vez, não me perdoaste e condenaste-me perpetuamente à desgraça e ao desespero. 
O SENHOR replicou: - "E tu pediste-me perdão?"


Pedir perdão'? Tal não fez satanás em seu refinado orgulho. E o orgulho. como ode lúcifer, cega. Dizem vários teólogos que muitos dos homens fiéis são destinados a ocupar no Céu o lugar que DEUS, destinara aos anjos caídos: uma pane da humanidade fiel terá seu lugar especial no Céu, conforme as suas virtudes, e a outra parte da humanidade que se salvar, ocupará no meio dos coros Angélicos, os lugares perdidos pela terça parte dos anjos rebeldes.
Não será por isso que a Cruz de muitos é tão grande? São homens e são chamados a dar no Céu a DEUS, uma glória humana-angélica.
A ser verdade o que vem num livrinho com aprovação eclesiástica, intitulado: 
"Padre Pio fala ao Mundo", este teria aparecido depois da morte a um dos seus filhos espirituais e disse-lhe: 
"Estou no meio do Coro dos Serafins, junto do meu pai São Francisco"

Castelo Mal Assombrado



O castelo Glamis fica a 700 km de Londres. Desde 1372, vários nobres se instalaram lá. A rainha mãe — que deu a luz a Sua Majestade Elizabeth II — nasceu ali, assim como a princesa Margaret. Vieram ao mundo, diz a lenda, em um local amaldiçoado, depois de um hóspede aceitar jogar cartas com o Demônio e fazer um pacto com ele.

A primeira história esquisita no local data do século XI, quando o rei Malcolm III foi misteriosamente assassinado ali. Após cerca de 500 anos, a viúva da sexta geração dos Glamis, Lady Janet Douglas, foi queimada viva, acusada bruxaria. Desde então, conta-se que ela assombra a capela do castelo como um vulto cinza.

photo


Depois do carteado com o Satã, dizem os moradores da região, uma criança monstruosa nasceu. Escondida, viveu mais de 100 anos. Os mais antigos dizem que a criatura é Thomas Bowes-Lyon, que tem parentesco apenas com a rainha. Quer pagar para ver? A visita custa R$ 30 e um jantar ali sai por R$ 60. É necessário reservar.

Perto dali fica outro castelo cheio de lendas: o Ballindalloch, a 134 km de Glamis. Conta-se que ali vive o fantasma da Dama Verde, na sala de jantar. É um prédio famoso por aparições femininas — supostamente amantes rejeitadas. Também estaria lá a alma do general James Grant, que vigia o prédio em seu cavalo.


As visitas também são permitidas. Adultos pagam R$ 25 e crianças R$ 13. O local está aberto das 10h às 15h. Não é necessário agendar vistas. Também é fácil conseguir acomodações para dormir perto do castelo por R$ 150, em casas de família. Conhecer os dois castelos é uma das viagens mais exóticas que se pode fazer no Reino Unido.


Para muitos, o castelo mais mal assombrado do país não fica na Escócia, mas está bem perto. É o Chillingham, em Northumberland, a 400 km da capital britânica. O lugar foi construído só com um propósito: matar. Ali ficava uma linha de defesa dos ingleses no período em que lutavam contra os escoceses. Ainda assim fazem casamentos ali. Você pode passar uma noite por pelo menos R$ 300. As visitas custam R$ 25.

Mas se você não irá tão longe para encontrar espíritos atormentados, pode fazê-lo naquele que os britânicos chamam de "a mãe de todos os castelos mal-assombrados". A Torre de Londres, construída em 1078, é a casa da alma de Henrique VI (1421-1471), um dos mais trágicos monarcas e protagonista de uma obra de William Shakespeare. Fica à beira do rio Tâmisa e é um dos principais cenários da cidade.


A mística surgiu com o assassinato do rei, enquanto rezava, perto da meia-noite. Quando se aproxima o dia 21 de maio, aniversário de sua morte, ele reaparece. As lendas contam que depois de marcar presença ele retorna para dentro das pedras — por mais um ano. Nesse período, outros espíritos tomam conta do prédio, como a perfumada "Dama Branca". As visitas ao prédio custam R$ 60. Alguém vai encarar?

Assassinos em série



MANCHESTER, GB, 19 jul (AFP) – O médico britânico Harold Shipman, condenado à prisão perpétua por 15 assassinatos, matou 215 pacientes, talvez 260, segundo as conclusões de uma investigação oficial divulgadas esta sexta-feira, em Manchester (Noroeste da Inglaterra). Esta cifra o torna um dos maiores assassinos em série da História.
Seguem abaixo alguns dos casos mais conhecidos de assassinatos em série:
- Na COLÔMBIA, Luis Alfredo Garavito, condenado em maio de 2000, em Bogotá, a 835 anos de prisão, é considerado culpado de 189 assassinatos.
- No EQUADOR, Pedro López Monsalve foi condenado em 1980 pelo assassinato e estupro de 60 crianças. É suspeito de 300 assassinatos.
- Na RÚSSIA, “o carniceiro de Rostov”, Andrei Chikatilo, foi declarado culpado de 52 assassinatos com motivos sexuais entre 1978 e 1990. As vítimas foram, em sua maioria, crianças e adolescentes. Ex-professor e doutor em Filosofia, foi executado em 1994.
- No PAQUISTÃO, Javed Iqbal, 38, foi condenado à morte em março de 2000, pelo assassinato de 100 crianças.
- Nos ESTADOS UNIDOS, John Wayne Gacy, “o palhaço assassino”, confessou ter estuprado e estrangulado 33 jovens entre 1972 e 1978. Vinte e nove corpos foram encontrados em sua casa. Foi executado no ano de 1994, em Illinois.
- Jeffrey Dahmer, “o carniceiro de Milwaukee”, cometeu 17 assassinatos entre 1978 e 1991, e reconheceu ter comido a carne de três vítimas. Morreu na prisão, nas mãos de outro detento, em 1994.
- Na ÁFRICA DO SUL, Moses Sithole, 32, foi condenado a 2.410 anos de prisão em 1997, por 38 assassinatos e 40 estupros.
- Na UCRÂNIA, Anatoli Onoprienko, 30, foi condenado à morte em 1§ de abril de 1998, pelo assassinato de 52 pessoas, entre elas 10 crianças, entre 1989 e 1996.


- Na ITÁLIA, Donato Bilancia, 46, confessou ter assassinado 17 pessoas entre outubro de 1997 e abril de 1998. Foi condenado em abril de 2000 a 13 penas de prisão perpétua em Gênova, no Norte da Itália.
- Na GRÃ-BRETANHA, Rosemary West foi condenada à prisão perpétua em novembro de 1995, por 10 assassinatos, e é suspeita de outros nove crimes. Na “Casa dos Horrores”, em Gloucester (Oeste), foram encontrados 10 corpos, entre eles os das filhas do casal West. O marido de Rosemary, Frederik, suicidou-se na prisão em janeiro de 1995, depois de ter confessado a autoria de 12 assassinatos.
- O britânico Dennis Nilsen foi condenado à prisão perpétua por ter matado 15 jovens em seu apartamento de Londres, entre 1978 e 1983.
- Na FRANÇA, Thierry Paulin, “o assassino de idosas”, foi preso em dezembro de 1987 e confessou ter assassinado 21 pessoas em Paris entre 1984 e 1987. Soropositivo, morreu no hospital da prisão em abril de 1989, sem ter sido julgado.
O médico Marcel Petiot foi declarado culpado de 24 assassinatos e executado em 1946. Ele esquartejava e queimava suas vítimas em um hotel parisiense.

Mitos sobre bruxaria


Este será um interessante exercicio, fazer uma lista de todos os mitos comuns sobre bruxaria. O top 50 dos mitos envolvendo bruxaria e feitiçaria.
1. Os bruxos são naturalmente maus. 
2. Os bruxos não são humanos, mas sim uma forma evoluída de seres humanos. 
3. Os bruxos não se parecem com pessoas normais. 
4. Você deve ter nascido numa família de bruxos para se tornar um. 
5. Os bruxos podem roubar "poderes" do outro. 
6. Bruxaria e cristianismo são opostos. 
7. É difícil ferir um bruxo. 


8. Os bruxas são resistentes a magias. 
9. Os bruxos sempre vestido de preto. 
10. Os bruxos podem mudar sua forma e aparência à vontade. 
11. Os bruxos podem alterar a forma ea aparência dos outros à vontade. 
12. Os bruxos podem manipular o tempo. 
13. Todas as bruxarias envolvem participar em orgias ritualísticas. 
14. Os bruxos ou bruxas podem voar em vassouras 
15. As bruxas podem voar sem vassouras. 
16. Uma bruxa é uma mulher com superpoderes. 
17. Uma bruxa do sexo masculino é chamado de feiticeiro. 
18. A bruxaria é um culto a Satanás
19. Fazer bruxaria é fazer um acordo com Satanás para atingir super poderes naturais. 
20. Os Bruxos realizam sacrifícios de animais e humanos. 
21. Bruxaria não tem regras. 
22. Bruxaria é o mesmo que o satanismo 
23. Bruxos tem ódio de cristãos 
24. Wicca e Bruxaria é a mesma coisa. 
25. Wicca não tem nada a ver com Bruxaria. 
26. A Bruxaria promove o aborto como uma forma de sacrifício humano. 
27. As bruxas são alérgicos a água. 
28. Os Bruxos odeio ser chamado de bruxos 
29. Nenhum homem pode ser uma bruxo. 
30. Os bruxos são os mesmos ciganos. 
31. Bruxaria não é uma prática religiosa. 
32. Ser bruxo não significa acreditar em alguma força superior. 
33. Os bruxos podem possuir pessoas. 
34. Os Bruxao ficam doente ou feridos quando Jesus Chris é mencionado ou um crucifixo é mostrada a eles. 
35. Todas as práticas de bruxaria são Magia Negra 
36. As Bruxas e gênios estão sempre a comunicar. 
37. Um bruxo pode levitar 
38. Os bruxos tornam-se bruxos por ter outra pessoa a lançar um feitiço sobre eles. 


39. Os Bruxos concedem desejos. 
40. Os bruxas podem transformar-se em fantasmas. 
41. A bruxaria pode fazer coisas flevitar
42. Os bruxos não saem durante o dia. 
43. As Bruxas evitar público e vivem na floresta. 
44. Os Bruxos não têm preocupações e estão sempre felizes. 
45. Os bruxas podem trazer fotos "à vida" 
46. Os bruxos convocam demônios e, em seguida, assumem o controle delas para uso futuro. 
47. Bruxaria não é uma religião. 
48.Bruxaria coloca maldições sobre os sacerdotes. 
49. O Pentagrama é um símbolo de Satanás 
50. Os bruxos existem ...

Quem é Satanás?



A crença das pessoas sobre Satanás vai do tolo ao abstrato: de um pequeno ser vermelho com chifres que senta sobre seu ombro motivando você a pecar, a uma expressão usada para descrever a personificação do mal. Entretanto, a Bíblia nos dá um retrato claro de quem é Satanás, e como ele afeta nossas vidas. Colocando de forma simples, a Bíblia define Satanás como um ser angelical que decaiu de sua posição no céu por causa do pecado e está agora em posição exatamente oposta a Deus, fazendo tudo a seu alcance para frustrar os planos de Deus para a humanidade.

Satanás foi criado como santo anjo. Isaías 14:12 possivelmente dá a Satanás o nome, antes da queda, de Lúcifer. Ezequiel 28:12-14 descreve Satanás sendo criado como querubim, e foi aparentemente o anjo criado em posição mais alta. Ele se tornou arrogante em sua beleza e posição, e decidiu que queria se assentar em um trono que fosse acima do de Deus (Isaías 14:13-14; Ezequiel 28:15; I Timóteo 3:6). O orgulho de Satanás o levou à queda. Repare as muitas afirmações no futuro em Isaías 14:12-15 (subirei, exaltarei, me assentarei, subirei e serei). Por causa de seu pecado, Deus expulsou Satanás do céu.


Satanás se tornou o governante deste mundo que funciona longe de Deus, e o príncipe das potestades do ar (João 12:31; II Coríntios 4:4; Efésios 2:2). Ele é um acusador (Apocalipse 12:10), um tentador (Mateus 4:3; I Tessalonicenses 3:5) e um enganador (Gênesis 3; II Coríntios 4:4; Apocalipse 20:3). Seu próprio nome significa adversário ou “o que se opõe”. Outro nome usado para Satanás, o diabo, significa “maligno” ou “caluniador”.


Apesar de ter sido expulso do céu, ele ainda busca elevar seu trono acima de Deus. Satanás, de maneira fraudulosa, imita tudo o que Deus faz, esperando ganhar a adoração do mundo e incitar oposição ao reino de Deus. Satanás é a maior força atrás de qualquer falso culto e religião mundana. Satanás fará qualquer coisa e todas as coisas em suas forças para se posicionar contra Deus e contra os que seguem a Deus. Entretanto, o destino de Satanás está selado: uma eternidade no lago de fogo (Apocalipse 20:10).


A Loira do Banheiro





A personagem que assombra a imaginação de quem estudas nas escolas do país, seria Maria Augusta, filha do visconde Franciscus D'A Oliveira Borges e da viscondessa Amélia Augusta Cazal.
Os boatos são de que ela aparece nos banheiros para os alunos.
Filha de Francisco de Assis de Oliveira Borges, Visconde de Guaratingetá e de sua segunda esposa, Amélia Augusta Cazal, Maria Augusta nasceu no ano de 1866 e teve uma infância privilegiada e um requintado estudo em sua casa, cujas terras ultrapassavam os limites da atual Rua São Francisco.

Sua beleza encantava os ilustres visitantes que passavam pelo vale do Paraíba.
Naquela época, a política dos casamentos não levava em conta os sentimentos dos jovens, pois os casamentos eram "arranjados" levando-se em conta na realidade, os interesses dos pais.
Uma nítida conotação de transação simplesmente econômica ou meramente política, teria levado o Visconde de Guaratinguetá a unir no dia 1 de Abril de 1879 sua filha Maria Augusta com apenas quatorze anos de idade com um ilustre conselheiro do Império, Dr. Francisco Antônio Dutra Rodrigues, vinte e um anos mais velho que a bela jovem.

Como era previsível, surgiram divergências entre Maria Augusta e seu marido, o Dr. Dutra Rodrigues, devido também à sua pouca idade, fazendo com que os pensamentos e ideais dos casal fossem diferentes.
Devido à esses problemas, Maria Augusta deixa a companhia do Marido em são Paulo e foge para a Europa na companhia de um titular do Império e alto ministro das finanças do reino, passando a residir em Paris na Rua Alphones de Neuville.
Maria Augusta assume definitivamente a alta sociedade parisiense abrilhantando bailes com sua beleza, elegância e juventude.
Maria Augusta prolonga sua estada na França até que no dia 22 de Abril de 1891, com apenas 26 anos de idade vem a falecer, sendo que para alguns, devido à Pneumonia, e para outros a causa foi a Hidrofobia.


Dia das Bruxas





Posto que, entre o pôr-do-sol do dia 31 de outubro e 1° de novembro, ocorria a noite sagrada (hallow evening, em inglês), acredita-se que assim se deu origem ao nome actual da festa: Hallow Evening → Hallowe'en → Halloween. Rapidamente se conclui que o termo "Dia das bruxas" não é utilizado pelos povos de língua inglesa, sendo essa uma designação apenas dos povos de língua (oficial) portuguesa.
Outra hipótese é que a Igreja Católica tenha tentado eliminar a festa pagã do Samhain instituindo restrições na véspera do Dia de Todos os Santos. Este dia seria conhecido nos países de língua inglesa como All Hallows' Eve.
A relação da comemoração desta data com as bruxas propriamente ditas teria começado na Idade Média no seguimento das perseguições incitadas por líderes políticos e religiosos, sendo conduzidos julgamentos pela Inquisição, com o intuito de condenar os homens ou mulheres que fossem considerados curandeiros e/ou pagãos. Todos os que fossem alvo de tal suspeita eram designados por bruxos ou bruxas, com elevado sentido negativo e pejorativo, devendo ser julgados pelo tribunal do Santo Ofício e, na maioria das vezes, queimados na fogueira nos designados autos-de-fé.
Essa designação se perpetuou e a comemoração do halloween, levada até aos Estados Unidos pelos emigrantes irlandeses (povo de etnia e cultura celta) no século XIX, ficou assim conhecida como "dia das bruxas", uma lenda histórica.



Imagens Sinistras


1271963084561-580x580

Antigamente muitas coisas eram totalmente diferentes do que são hoje em dia e quando vemos fotos desse passado, parece que as pessoas viviam em filmes de terror obscuro, com lugares mal iluminado e gente que parece ter saído do próprio inferno!

Algumas dessas imagens são tão assustadoras que parecem cenas de terror, mas são reais, vindas de um passado estranho e macabro. 

98171_v1-580x540

98178-580x588

1271961985138-580x563

1271962058289-580x580

1271963920435-580x488

christmas-580x837

creepy-old-photograph-spider-Favim-580x746

tumblr_lb4o39sblc1qz4zfuo1_500-580x590

SERVOS DO MISTICISMO NEGRO

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...